sábado, 18 de julho de 2009

Inevitável.

Expressar com palavras se torna difícil quando as palavras são...
Insuficientes.
É indescritível... E não há como dizer certas coisas...
Basta ouvir o coração.
Pensamentos distanciam-me da vida real, imaginando e relembrando lapsos de sonhos inacabados, que misturo com a realidade inexistente.
Pensar num futuro distante transforma-se em sonhar.
Limito-me a viver o agora.
Tento, inutilmente, evitar esse tais pensamentos.
A gente sempre julga ser capaz de controlar as coisas,
Quando na verdade, não temos controle algum sobre nada.
Quando menos se espera está fazendo o que disse nunca fazer...
Pensa no que diz nunca pensar...
Lembra do que esperava nunca mais lembrar.
É inevitável.
Chego à conclusão de que não adianta correr na direção contrária ao vento,
O destino se encarrega de nos colocar no lugar certo.
Às vezes na hora errada,
Mas sempre com um propósito, posteriormente entendido.




Um comentário:

  1. faço minhas essas suas palavras...

    exatamente oq acontece comigo... O.O

    ResponderExcluir